Ministério Público abre novas investigações para apurar problemas na estrutura física e funcional do Hospital Regional de Pau dos Ferros.

BLOG POLÍTICA PAUFERRENSE: 


O Ministério Público do Rio Grande do Norte, através de 1ª Promotoria de Justiça da Comarca de Pau dos Ferros, instaurou mais dois inquéritos civis objetivando investigar as condições de funcionamento do Hospital Regional Dr. Cleodon Carlos de Andrade (HCCA), unidade hospitalar que está sob a gerência administrativa da enfermeira Márcia Holanda, cuja indicação política partiu do deputado estadual Galeno Torquato (PSD).

De acordo com informações publicadas pelo Ministério Público, no Diário Oficial do Estado, o Promotor Paulo Roberto Andrade de Freitas instaurou um Inquérito Civil (Nº 06.2015.00003635-7) visando averiguar problemas relacionados à estrutura física do Hospital Regional.

Em virtude disso, o representante do Ministério Público mandou oficiar o Hospital Regional para que, no prazo de 30 (trinta) dias úteis, informe quais as dificuldades estruturais encontradas por aquele nosocômio para o seu adequado funcionamento. 

Além disso, requereu cópia do termo de declarações da Sra. Márcia Cristina Holanda Vidal, bem como, dos relatórios de inspeção realizados pelo MPE em atuação conjunta ao MPF e MPT, ambos os documentos constantes nos autos do I.C. n. 06.2010.00000501-1.

Clique na imagem para visualizar em tamanho maior.

Só para relembrar, no mês de maio o nosso blog publicou uma matéria denunciando as péssimas condições de funcionamento do HCCA (Relembre AQUI).

Já no outro Inquérito Civil aberto (Nº 06.2015.00003724-5), o MPRN quer saber os motivos para as ausências injustificadas dos médicos Dr. Jarismar Gonçalves e Dr. André Cabral aos plantão do dia 24/03/2015 no Hospital Regional. 

Verdade seja dita, neste caso, a denúncia partiu da própria direção do Hospital, que foi requisitada pelo promotor para que, no prazo de 10 (dez) dias úteis, apresente as datas em que os médicos Jarismar Gonçalves de Melo II e André Cabral de Morais deixaram de comparecer aos plantões médicos aos quais estavam escalados de janeiro/2014 até a presente data da abertura do inquérito, bem como os dados completos dos referidos servidores.

Confira as informações detalhadas na página do Diário Oficial do Estado clicando AQUI.

 

Desenvolvido por Gilberto Designer